Consultoria B



CONSULTORIA

 

Antes de me mudar para os Estados Unidos em 1987, trabalhei por vários anos em São Paulo para algumas das maiores organizações sem fins lucrativos do mundo, onde aprendi com alguns dos melhores líderes do setor. Depois de sair e trabalhar como consultor para um número de empresas (variando de médias até grande porte), vi em primeira mão como muitos líderes foram desconectados de suas equipes, e quantos funcionários estavam descontentes com a sua situação no trabalho. Testemunhei o quanto de uma cultura pode fazer diferença para uma boa liderança em direção ao sucesso de uma organização, ou mesmo um departamento.

Desde então, tenho trabalhado com organizações e seus executivos especificamente para ajudar a promover a ligação entre o líder e sua equipe, e para ajudar a desenvolver uma cultura que atrai (e mantém) talentos. Apesar do fato de que o mundo torna-se cada vez mais conectado e as equipes se tornam mais globais, certos princípios têm eficácia comprovada no trabalho entre as culturas.

Usando um conjunto de ferramentas com base em melhores práticas mundiais, incluindo a investigação e analise com os modelos mais eficazes de avaliação, posso determinar os pontos fortes e fracos específicos dos nossos clientes.

CONSULTORIA CROSS-CULTURAL

As boas relações de negócios começam e são sustentadas por duas coisas:

  • Comunicação clara e eficaz
  • Confiança

Uma comunicação clara: Inglês é a língua internacional dos negócios, mas comunicar-se em Inglês é apenas o começo. Trabalhar com culturas estrangeiras e outras mentalidades apresenta desafios. Muitos acham que eles entendem as palavras que outros estão usando … mas no final, o défice de comunicação continua grande. Não resolver estes problemas significa perder tempo, perder dinheiro e, muitas vezes, perdendo parceiros e clientes.

Confiança: Confiança requer compreensão mútua; ela requer objetivos e interesses comuns. Como posso entender melhor os meus clientes, parceiros e colegas? Por que são tão difíceis? Como podemos trabalhar melhor em conjunto? Como podemos construir a confiança?


A nossa base de dados de pesquisa, juntamente com a nossa rede de especialistas locais, são um recurso inestimável para estabelecer a compreensão e confiança entre você, sua equipe e seus parceiros.

Leva décadas para obter o conhecimento prático e consciência que nós oferecemos. Dê a sua organização a oportunidade de lucrar com a nossa experiência.

EXPERIÊNCIA COMPROVADA

Ao longo dos últimos 23 anos, temos tido o privilégio de trabalhar com uma variedade de indivíduos e equipes verdadeiramente internacionais.

Esta experiência, juntamente com os nossos próprios meios multiculturais, tem provado ser um treinamento inestimável para a construção de relações de confiança e lealdade.

Não perca a oportunidade de beneficiar-se de anos de experiência trabalhando em diferentes culturas.

 
 

Author: Lou H. Mello

Olha só, pessoal assíduo no meu blog profissional já está careca de saber quais são as minhas graduações e tentativas de pós, etc. Pessoalmente, dou pouco valor a tudo isso. É mais um mercado, apenas, onde as universidades acreditam ter o monopólio dos diplomas. Ledo engano. A ajuda é sempre muito relativa. Estudei a Bíblia e ainda o faço, dei aulas em várias escolas teológicas, até o pessoal encerrar minha carreira, nessa área. Acho que não me achavam adequado, sei lá. Legal mesmo, foi viajar por aí a pampa, com destaque à missão para a Albânia, em 1979 e países da África em 1981. Depois disso rodei muito pelos EUA e Europa, mas nada demais nisso. Tenho espírito missionário, acho, mas nos EUA estava mais interessado em fazer um pé de meia. Não deu certo. Mas aprendi muito por lá, onde há muito a aprender.
Atualmente, acalento o Projeto Corações Valentes e tento manter dois ou três clientes, aos quais presto consultoria na área de Desenvolvimento (Comunicação e Captação de Recursos), algo que aprendi com os norte-americanos, campeões nessa área, , sobretudo, com Dr. Dale W. Kietzman, meu mentor em marketing para organizações não lucrativas. Entretanto, e aos poucos, acho que estou de coisa com a mudança comportamental, de tanto buscá-la para mim mesmo. Culpado disso foi o Dr. Zenon Lotufo Jr, que investiu em minha pessoa, muito além do normal. Talvez 2017 me abra algumas portas nessa área,
Esse blog surgiu como a forma ideal para a prática de algo que sempre gostei muito de fazer, ou seja, escrever e me livrar dessa coisa interior que pressiona meu peito e pode me matar. Tenho alguns projetos de livros em andamento, quem sabe ainda edito um ou alguns deles, antes de fazer a travessia.
Gosto de escrever, de música, literatura em geral, educação, astronomia (minha segunda paixão secreta, Ih falei), educação física e, de vez em quando, dou um ou outro pitaco nessas áreas também. Sou o principal leitor de tudo que escrevo. Ter leitores sempre foi algo inimaginável, enfim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *